Ataadson Cardoso de Almeida tinha mandado de prisão em aberto pela comarca do município de Tucano

Foto: Alberto Maraux/SSP-BA

O sistema de reconhecimento facial da Secretaria da Segurança Pública (SSP-BA) flagrou o 50° foragido da Justiça na manhã desta terça-feira (20). 

Com mandado de prisão em aberto pela comarca do município de Tucano e condenado por tráfico de drogas, Ataadson Cardoso de Almeida, de 30 anos, foi encontrado em uma estação de metrô de Salvador.

Após ser flagrado pelas câmeras, um alerta foi gerado e equipes da Superintendência de Telecomunicações (Stelecom), no Centro de Operações e Inteligência (COI), acionaram a guarnição da PM mais próxima do local.

De acordo com a SSP-BA, Ataadson foi seguido e interceptado dentro de um escritório. O foragido foi encaminhado até a 6ª Delegacia Territorial (DT/Brotas) que, com apoio da Polinter, confirmou a condenação com a comarca de Tucano. 

Em seguida, ele foi levado até o Departamento de Polícia Técnica (DPT) para exame de corpo de delito e está à disposição da Justiça.


Chefes de estados e senadores se reuniram em Brasília para discutir a pautas que deverão ser prioridade na Casa nas próximas sessões

Foto: Reprodução/Facebook

O governador Rui Costa (PT) esteve nesta terça-feira (20) com os governadores do Nordeste, Norte e Centro-Oeste e 51 senadores, na residência oficial do presidente do Senado, Davi Alcolumbre, em Brasília, para discutir as votações da chamada pauta federativa e outros assuntos de interesse dos estados que devem ser priorizados pela Casa nas próximas sessões.

A iniciativa de reunir os representantes dos estados em Brasília foi da Frente Parlamentar das três regiões. Na avaliação de Rui, o Senado está comprometido com os estados para a retomada de capacidade de novos investimentos.

“Definimos pontos que unificam a agenda federativa. Entre eles a questão do fim da Lei Kandir, onde cada estado passa a ter autonomia para regular a questão das exportações. Assim como a participação nas receitas do petróleo, tanto nas concessões como no fundo social, onde a ideia é que ele comece com 30%, mas possa chegar depois a 70% ou 80% em oito anos. São projetos que dão fôlego e autonomia para os estados. Está nas mãos do Senado votar alternativas para a retomada de investimentos nos estados”, afirmou o governador da Bahia.

Também foram discutidos entre senadores e governadores com Alcolumbre o pagamento de precatórios, o Plano Mansueto e o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb). Essas pautas estão sendo discutidas entre os senadores e o ministro da economia, Paulo Guedes, em uma segunda reunião nesta terça (20).


Conforme a agência, o reajuste ocorreu porque a concessionária descumpriu algumas exigências do contrato

Foto: Reprodução TV Bahia

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) anunciou nesta terça-feira (20) a redução da tarifa básica de pedágio da Via Bahia.

Pela decisão, a tarifa passará de R$ 2,90 para R$ 2,60 nas praças P1 (Simões Filho) e P2 (Amélia Rodrigues) – localizadas na BR-324 – e de R$ 5,10 para R$ 4,60 nas outras cinco praças (Santo Estevão, Milagres, Manoel Vitorino, Poções e Veredinha), todas na BR-116.

Conforme a ANTT, o reajuste ocorreu porque a concessionária descumpriu algumas exigências do contrato, com diferenças entre o tráfego projetado e real, evasão de pedágio e atraso na abertura de praças.

A decisão foi baseada no voto vista do diretor Marcelo Vinaud, que revisou o voto original do diretor Weber Ciloni e também o voto vista da diretora Elisabeth Braga.


Foto: Camila Souza/ GOVBA

Um homem que se apresentava como policial civil foi preso em flagrante durante a operação “Carro Seguro”, deflagrada pela Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos (DRFRV) nesta terça-feira (13). A ação tem por objetivo de coibir fraudes contra seguradoras de veículos.

Diego de Almeida Menezes, de 29 anos, foi preso no bairro de Fazenda Grande do Retiro com um Ford Fiesta, placa policial JRV-5365, com restrição de roubo.

Segundo o titular da DRFRV, delegado José Nélis de Araújo, o uso da tecnologia de Reconhecimento de Placas disponibilizada pela Secretaria da Segurança Pública (SSP-BA) auxiliou na elucidação do crime.

“A partir de análises dentro deste novo sistema foi possível encontrar inconsistência no falso boletim de ocorrência, como, o histórico de locais onde veículo transitou e outras informações que o sistema contribuiu para as investigações”, disse.

A proprietária do veículo também está sendo investigada por envolvimento no crime. “Ela é suspeita por ter realizado a falsa comunicação do suposto crime na DRFRV, no dia 24 de junho deste ano, visando receber o valor do seguro. Diego escondeu o carro, o qual ele recebeu como pagamento pela sua atuação na ação criminosa”, afirmou.

O homem confessou e foi autuado pelos crimes de receptação de veículo roubado e usurpação de função pública. Ele segue preso à disposição da Justiça. A proprietária é investigada por estelionato e falsa comunicação de crime.