quinta-feira, janeiro 20, 2022
Início Política El Pais destaca a redução da distância entre Jair Bolsonaro (PSL) e...

El Pais destaca a redução da distância entre Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad

El Pais destaca a redução da distância entre Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad, - Foto: Reprodução
El Pais destaca a redução da distância entre Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad, – Foto: Reprodução

A decisão do segundo turno das eleições presidenciais do Brasil, que acontece neste domingo, 28, é manchete dos principais jornais em todo o mundo. Em artigo, o norte-americano The Wall Street Journal destaca que as projeções indicam a vitória de Jair Bolsonaro, capitão da reserva, na disputa pela presidência do Brasil com uma larga vantagem neste domingo, ampliando a crescente lista de líderes populistas mundiais e levando a maior economia da America Latina para a extrema direita.

A Dow Jones Newswires, por sua vez, publica texto com as cinco principais observações de analistas sobre o que esperar de uma futura administração Bolsonaro. A foto de Bolsonaro ilustra a capa da edição do final de semana do francês Le Monde, com a seguinte legenda “Brasil – Bolsonaro às portas do poder”. Em chamada de capa, o também francês Le Figaro estampa manchete semelhante: “Brasil – Jair Bolsonaro, um antissistema às portas do poder”. O tema ainda é assunto da capa do Libération, com a manchete “Populismo nacionalista: o contágio mundial”, citando o avanço da direita no Brasil, Turquia, Filipinas, Estados Unidos e Europa.

Já o espanhol El Pais destaca as últimas pesquisas de intenção de voto indicando a redução da distância entre Jair Bolsonaro (PSL) e o candidato do PT, Fernando Haddad, cuja foto ilustra a primeira página. De Portugal, o diário Público cita em sua capa o avanço de Haddad nas pesquisas e a vantagem de Bolsonaro nos principais estados. O também português Jornal de Notícias trás entre os destaque de capa “Brasil – Artistas temem regresso da ditadura após eleições”.

O pé de página da capa do Diário de Notícias destaca “Tsunami Bolsonaro atinge São Paulo, Minas e Rio”, ao lado de uma foto do candidato. Do Chile, o El Mercúrio destaca em chamada de capa os fatores que fizeram do Rio de Janeiro o bastião eleitoral de Bolsonaro. Em sua capa, o argentino La Nacion aponta que o peso dos militares na campanha de Bolsonaro desperta temores no Brasil. Sob a manchete “A virada radical”, a capa da edição de final de semana do uruguaio El Observador estampa a imagem de um simpatizante de Bolsonaro enrolado em uma bandeira do Brasil vestindo uma camiseta verde e amarela com a foto do candidato.

Na legenda, o diário destaca que embora a distância entre ele e Haddad, do PT, tenha diminuído nas pesquisas, Bolsonaro se encaminha para assumir a presidência do Brasil.

Fonte: El Pais
RELATED ARTICLES

Tribunal Superior Eleitoral cria regra para inibir fraudes em cota feminina

A Justiça Eleitoral pretende ser mais rígida com partidos que fraudam candidaturas femininas para cumprir a determinação de que 30% dos concorrentes a vagas...

Bolsonaro é alvo de ações por falar sem máscara com garis, quando infectado com Covid-19

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) é alvo de notícia-crime por ter, na última quinta-feira (23), conversado com três garis sem máscara. Naquele momento,...

Jair Bolsonaro já empregou 254 militares no governo, afirma coluna

Ao menos 254 militares já ocuparam cargos de confiança no ministério do governo de Jair Bolsonaro (sem partido), segundo a coluna de Guilherme Amado,...
- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments