Haddad x Bolsonaro e alguns pontos sobre a economia de Amargosa

Foto: Cidade de Amargosa
Foto: Cidade de Amargosa

Amargosa tem hoje 26.504 eleitores e no 1º turno a ausência foi de 24,43%, o que equivaleu a 75,57% votantes.
O Governador Rui Costa no 1º turno, obtendo 67,77% dos votos válidos na cidade.

Após o final do 1º Turno das eleições presidenciais, foi apurada, em Amargosa, um total de 9.680 votos para Fernando Haddad, seguido de Jair Bolsonaro com 5.238 votos. Tais valores correspondem, respectivamente, a 54,86% e 29,69% dos votos válidos.

Com o início do 2º turno, a campanha começou na cidade com a retomada dos eleitores de ambos os lados se posicionando em defesa de seus candidatos.

Apesar de Amargosa viver um momento próspero na sua economia, batendo recorde na geração de emprego em 2018 (dados do CAGED/Ministério do Trabalho) e apresentando um aumento significativo na arrecadação de ICMS pelo Governo do Estado da Bahia (mais de 38% no comparativo de agosto 2017 a agosto 2018), o que aponta um crescimento significativo nas vendas do comércio local.

Além dos programas Federais como o Bolsa Família e o BPC (Beneficio de Prestação Continuada), que deve injetar na economia de Amargosa este ano mais de R$ 29 milhões beneficiando diretamente a 15.559 pessoas e a UFRB que também movimenta mais de R$ 20 milhões/ano (com mais de 200 professores e técnicos e aproximadamente 1.700 alunos).

Fonte: Criativa On Line