Primeira sessão sobre impeachment de Witzel não terá transmissão pública

A reunião virtual do grupo está marcada para às 13h30, e será transmitida por um aplicativo

Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil

A primeira sessão da comissão da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) para tratar da denúncia e pedido de impeachment do governador Wilson Witzel (PSC), marcada para esta quarta-feira (24), não terá transmissão pública. Não foi apresentada justificativa para a medida. A informação é do portal G1.

Oficialmente chamada de Comissão Especial Processante, a reunião virtual do grupo está marcada para às 13h30, e será transmitida por um aplicativo. Um link para acompanhar a reunião será enviado aos e-mails dos 25 parlamentares que integram a comissão.

Em etapa protocolar, o governador Wilson Witzel (PSC) foi citado, oficialmente, na terça-feira (23) sobre o impeachment. O procedimento foi recebido pelo advogado de defesa de Witzel, Manoel Peixinho, que a partir desta quarta terá dez sessões da Alerj para apresentar argumentos que derrubem a denúncia.