TCU vai intimar Moro para explicar se firmou contratos remunerados após deixar o governo

Ex-ministro da Justiça continua recebendo salário enquanto cumpre quarentena em casa, mesmo após ser exonerado

Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

O Tribunal de Contas da União (TCU) vai intimar o ex-ministro da Justiça, Sergio Moro, para prestar esclarecimentos sobre sua vida financeira fora do governo.

O órgão quer saber se o ex-juiz firmou contratos remunerados de trabalho após ser exonerado, visto que ele continua recebendo salário de ministro e só poderia desenvolver atividades que já eram permitidas no governo, como ministrar aulas.

Junto com o TCU, o Ministério Público pediu que Moro fosse investigado por ele estar escrevendo em publicações na mídia. A intimação deve ser assinada pelo ministro do tribunal, Bruno Dantas.

Segundo a assessoria de Moro, a Comissão de Ética da Presidência o autorizou a publicar textos em veículos de comunicação por se tratar de liberdade de expressão e não gerar conflitos. Com informações da coluna Mônica Bergamo, da Folha de S.Paulo.